Corinthians 1 x 0 Goiás - Brasileirão 2022

Brasileirão 2022 - Corinthians 1 x 0 Goiás

Partida de futebol entre Corinthians 1 x 0 Goiás nBrasileirão 2022

https://www.meutimao.com.br/jogo/7272/brasileirao_2022/corinthians-1-x-0-goias

02:00

2022-06-19T16:00:00

Neo Química Arena

Endereço: Avenida Miguel Ignácio Curi, São Paulo, SP, Brasil

Corinthians 1 X 0 Goiás

Brasileirão 2022
19 de junho de 2022, 16:00
Corinthians 1 x 0 Goiás
Neo Química Arena, São Paulo, SP.
Corinthians vs Goiás edição 54 de 54

Sobre a Partida

Corinthians supera o Goiás com gol de pênalti e iguala pontuação do líder

O Corinthians fez um bom jogo na tarde deste domingo e superou o Goiás por 1 a 0 na Neo Química Arena, em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O único gol alvinegro foi marcado pelo lateral Fábio Santos, em pênalti batido ainda no primeiro tempo da partida.

Com o resultado, o Corinthians vai a 25 pontos, mesmo número do líder Palmeiras. O rival alviverde ainda joga nesta rodada e enfrenta o São Paulo, na segunda-feira, no estádio do Morumbi.

Agenda alvinegra! O Timão agora volta a campo na quarta-feira, mas dando uma pausa no Brasileiro. A partir das 21h30 (de Brasília), os corinthianos fazem o clássico contra o Santos, na Neo Química Arena, partida válida pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Escalação

A equipe alvinegra ainda não pôde contar com o zagueiro João Victor, em processo de aprimoramento físico e técnico, e viu Willian ser baixa por desconforto muscular. Fagner, de volta aos relacionados, iniciou a partida no banco de reservas.

Sendo assim, o técnico português confirmou a escalação do Corinthians com Cássio, Rafael Ramos, Gil, Raul Gustavo e Fábio Santos; Du Queiroz, Cantillo e Renato Augusto; Adson, Gustavo Mantuan e Róger Guedes.

Provável escalação do Corinthians para enfrentar o São José

Meu Timão

O Goiás, por sua vez, foi a campo com Tadeu; Maguinho, Da Silva, Yan Souto e Juan; Auremir, Caio Vinícius, Vinícius, Diego e Dadá Belmonte; Pedro Raul.

O jogo

Primeiro tempo

O Corinthians começou a partida com a mesma determinação de manter a posse de bola apresentada na quarta-feira, em Curitiba. Du ficou mais solto para chegar ao ataque enquanto Cantillo fez a função de volante de maneira mais posicional, sendo o apoio tanto na saída de bola quanto na defesa.

O primeiro lance de perigo corinthiano saiu aos dez minutos de bola rolando. Róger Guedes recebeu pelo lado diireito e cruzou para Gustavo Mantuan. O ponta chegou a finalizar, mas acabou travado pela marcação.

Aos 18 minutos, Róger Guedes bateu falta sofrida por Mantuan pelo lado esquerdo, mas mandou por cima do gol. Pouco depois, Adson cruzou na área, Da Silva rebateu mal e Renato Augusto dominou a bola quase na pequena área. Na hora de ajeitar, porém, o camisa 8 perdeu o controle e viu a redonda sair pela linha de fundo.

Aos 30, o lance mais importante da etapa inicial. Cantillo roubou a bola no meio-campo, Róger Guedes ficou com a sobra e esperou a passagem de Adson. O canhoto ultrapassou todos e saiu cara a cara com Tadeu. A batida rasteira, no entanto, foi defendida pelo goleiro Tadeu.

Na sobra, Róger Guedes chutou e a bola bateu no tronco e no braço de Caio Vinícius. Muito perto da jogada, o árbitro Braulio da Silva Carvalho anotou pênalti para a equipe do Corinthians. O VAR chancelou e, na batida, Fábio Santos deslocou Tadeu para abrir o placar.

O Timão seguiu em cima do adversário até o intervalo, principalmente contando com a dobradinha Rafael Ramos e Adson na direita. Na maioria dos lances, no entanto, o clube do Parque São Jorge não conseguiu finalizar com perigo.

Segundo tempo

O Timão voltou igual para o segundo tempo, mas com menos intensidade do que o demonstrado nos primeiros 45 minutos. Tanto assim que o primeiro lance notável foi um do Goiás, em chute de fora da área do volante Fellipe Bastos. Cássio praticou a defesa e deu bronca no meio pelo espaço dado ao adversário.

Depois de retomar o controle da posse, o Timão chegou duas vezes seguidas com Mantuan pelo lado esquerdo. Na primeira, ele deu belo drible na marcação e cruzou em cima da cobertura. Na segunda, cortou para o pé direito e bateu no ângulo oposto, mas a bola passou pouco acima do gol.

Sentindo que a equipe precisava de corpos mais descansados, Vítor Pereira promoveu as primeiras alterações no Corinthians aos 20 minutos. Giuliano entrou na vaga de Cantillo e Lucas Piton, outa vez colocado como ponta, substtuiu um cansado Mantuan.

O comandante corinthiano logo teve de promover a terceira substituição. Em uma esticada de bola da equipe adversária, Gil correu na frente de Pedro Raul e sentiu dores na coxa esqueda. Robson Bambu foi acionado para a sua vaga.

As mudanças não surtiram efeito em um primeiro momento, com o Timão perdendo a posse e sendo empurrado para trás pelo adversário. O Goiás chegou a ter uma sequência de quatro cruzamentos seguidos na área do Timão, todos eles afastados pela defesa.

Para tentar retomar o controle do meio-campo, VP mandou para o jogo o lateral-direito Fagner, de volta após 11 partidas de ausência, e o volante Xavier, esse último na vaga do meia Renato Augusto.

Os minutos finais foram de tensão, principalmente pela vantagem mínima, mas Cássio terminou o duelo sempre precisar ser muito exigido.

Ficha técnica de Corinthians 1 x 0 Goiás

Competição: Campeonato Brasileiro
Local: Neo Química Arena, São Paulo, SP
Data: 19 de junho de 2022 (domingo)
Horário: 16h00 (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado
Assistentes: Alex dos Santos e Henrique Neu Ribeiro
Árbitro de vídeo: Wagner Reway
Gol: Fábio Santos (Corinthians)
Cartões amarelos: Róger Guedes (Corinthians); Maguinho, Da Silva, Caio Vinícius e Pedrinho (Goiás)
Público: 35.900 pagantes (público total: 36.153)
Renda: R$ 2.188.138,23

CORINTHIANS: Cássio; Rafael Ramos (Fagner), Gil (Robson Bambu), Raul Gustavo e Fábio Santos; Du Queiroz, Cantillo (Giuliano) e Renato Augusto (Xavier); Adson, Gustavo Mantuan (Lucas Piton) e Róger Guedes.
Técnico: Vítor Pereira

GOIÁS: Tadeu; Maguinho, Da Silva, Yan Souto e Juan (Elvis); Auremir (Luan Silva), Vinícius, Diego, Caio Vinícius (Fellipe Bastos) e Dadá Belmonte (Pedrinho); Pedro Raul.
Técnico: Jair Ventura

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Corinthians 1 x 0 Goiás

  • Últimos comentários

    Foto do perfil de Mauricio Macaoli

    Ranking: 4076º

    Mauricio 430 comentários

    2036º. @mauricio.macaoli em

    Cantillo não pode ser reserva nesse time.

  • Publicidade

  • Foto do perfil de HENDRIGO

    Ranking: 5436º

    Hendrigo 310 comentários

    2035º. @bitha.braz em

    Partidassa do Cantilo, VP esta vendo tem Lateral de origem coloca pra jogar, não inventa não, e outra coisa precisa chutar mais para o gol

x